quinta-feira, 17 de abril de 2014

Um pouco de história para reflexão sobre a Páscoa
O que é Páscoa Cristã:
Páscoa Cristã é a festividade mais importante para a religião cristã. Páscoa significa passagem e tem origem no termo hebraico Pessach.
O "Domingo de Páscoa" celebra a Ressurreição de Jesus Cristo. A data é comemorada após a primeira lua cheia que ocorre no início da primavera, no hemisfério Norte. A data é sempre entre os dias 22 de março e 25 de abril.
Durante os 40 dias que precedem a Semana Santa e a Páscoa - período conhecido como Quaresma - os cristãos se dedicam à penitência para lembrar os 40 dias passados por Jesus no deserto e os sofrimentos que ele suportou na cruz. A Semana Santa começa com o Domingo de Ramos, que lembra a entrada de Jesus em Jerusalém - ocasião em que as pessoas cobriam a estrada com folhas da palmeira, para comemorar sua chegada. A Sexta Feira Santa, é o dia em que os cristãos celebram a morte de Jesus na cruz. O Domingo de Páscoa celebra a Ressurreição de Jesus e sua primeira aparição entre seus discípulos.
A Páscoa já era comemorada antes da época de Jesus Cristo. Tratava-se da comemoração do povo judeu por terem sido libertados da escravidão no Egito, que durou cerca de 400 anos. Segundo a Bíblia o próprio Jesus participou de várias celebrações pascoais, quando tinha doze anos foi levado pela primeira vez pelos seus pais José e Maria para comemorar a Páscoa, tendo participado sempre, nos anos seguintes. A mais famosa participação relatada na bíblia foi a "Última Ceia" onde Jesus participou da comunhão do corpo e do sangue, simbolizados pelo pão e pelo vinho.

Páscoa judaica

A Páscoa instituída entre os judeus - Pessach - é comemorada pela conquista da liberdade dos hebreus, que viviam como escravos no Egito. Essa libertação coincidiu com a Primavera, que ocorria no mês hebraico (nissan) que corresponde mais ou menos aos últimos dias de Março e meados de Abril., quando na bacia do Mediterrâneo começava a Primavera. As comemorações fundiram-se com as tradições religiosas de seu povo. Essa Páscoa foi ampliada pelo cristianismo com um novo sentido.
Os judeus seguem a tradição descrita no livro do Êxodo. Durante as festividades da Pessach, um jantar especial de comemoração, chamado "Sêder de Pessach", reúne toda a família, onde o pão ázimo, o vinho e ervas são servidos. O Pessach judeu é comemorado durante sete dias.
Fonte: http://www.significados.com.br/pascoa-crista/

terça-feira, 15 de abril de 2014

A ABMERJ PARABENIZA A TODOS OS FORMANDOS DO CHOAE 2013, POIS FORAM GRANDES GUERREIROS (AS) EM ADMINISTRAR OITO MESES DE CURSO COM SABEDORIA E PERSPICÁCIA.
SORTE BENÇÃO! É O DESEJO DA FAMÍLIA ABMERJ - JUNTOS SOMOS FORTE.
NA CHUVA OU NO SOL, A MISSÃO SERÁ CUMPRIDA!

domingo, 13 de abril de 2014

A ABMERJ reforça a solicitação, pois nosso amigo Dudu do HCAP vai operar amanhã, segunda-feira e necessita de nossas orações e doadores de sangue - no Instituto Nacional de Cardiologia, rua das Laranjeiras, 374 - Laranjeiras; contamos com o espírito de companheirismo, como o de costume, e agradecendo aos que já doaram seu nobre sangue.
Juntos somos forte

quarta-feira, 9 de abril de 2014

A Associação Juntos Somos Forte - ABMERJ, parabeniza a todos os formando do curso do CAS II/2013, desejando um sucesso promissor em suas novas empreitadas, e temos nosso Presidente da associação, Mesac Elfain, sendo contemplado na oportunidade em estar se formando no mesmo curso.
O conhecimento é o princípio da transformação.
Que a paz de Deus esteja com todos vocês - Juntos somos forte.

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Nosso grande amigo, 1º SGT Eduardo, mas conhecido como "Dudu do HCAP", neste momento está necessitando de nossa ajuda, pois precisa de doadores de sangue, "TIPO O SEU", e se encontra internado no Instituto Nacional de Cardiologia, nº 374 - Laranjeiras. 

EDUARDO FREIRE BRAGA
Quarto 908

Solicitamos orações para nosso amigo, pois o mesmo irá sofrer uma intervenção cirúrgica, e que Deus opere em sua vida, usando os médicos de forma divina. 
Meu irmão, força e fé - Juntos somos forte.


domingo, 30 de março de 2014

Guarda Vidas ameaçados de extinção

Trecho de Reportagem do acervo do Memorial do Salvamar
O Seriado dos Guarda Vidas - Parte 1

Guarda Vidas ameaçados de extinção

Após uma longa jornada os Guarda Vidas do Rio de Janeiro continuam pedindo socorro. Até quando? Os Bombeiros Militares que são Guarda Vidas tem um papel de destaque na história do Movimento dos Bombeiros, são os protagonistas, e por isso, ainda são injustiçados, perseguidos, desvalorizados e agora, ameaçados de extinção.


Nessa caminhada, onde através da luta por direitos conquistamos muitos objetivos, não só para os Guarda Vidas, que nem sequer protetores solares recebiam, mas para toda Corporação. Também ganhamos cicatrizes, experiência, sabedoria e, sobretudo, o respeito de toda população, que já nos admirava e até mesmo do Governo  que se dispôs finalmente a dialogar.

A previsão do novo concurso não inclui vagas para Guarda Vidas (QBMP10). Como pode o Guarda Vidas que faz milagre, o verdadeiro herói, 14 horas por dia, sendo responsável muitas vezes por mais de 1km de faixa de areia sozinho, sem ninguém para render para almoçar,  sem ter lugar para fazer suas necessidades fisiológicas, sem proteção contra a radiação ultravioleta, pois não existem postos físicos de verdade, só no papel da escala. Os GV’s ficam sem comunicação, não tem roupas com proteção UVA UVB e não ganham adicional de insalubridade por exposição à radiação.

Esses homens do mar que deram início ao movimento, que foram os primeiros a tomarem na cabeça, com 36 transferidos, com as famosas “barcas” (punições geográficas) presentes até hoje, os Bombeiros Guarda Vidas que encararam Bangu , todos esses bravos homens da QBMP10,todo Grupamento Marítimo ainda pedem socorro.




Qual será a vida útil de um excelente Guarda Vidas que é tratado com indiferença, desleixo, descaso. Um Guarda Vidas relegado. Será possível que após seis anos sem concurso? Sem reposição de profissionais especializados no serviço de salvamento marítimo em pleno Rio de Janeiro?  A Copa já chegou, trabalharemos forçadamente dobrado por falta de efetivo? E nas Olimpíadas? Guerra avisada só perde quem quer. Contra a extinção dos Guarda Vidas, acompanhe, leia e compartilhe: O SERIADO DOS GUARDA VIDAS.

Não perca o próximo Capítulo.


Contribua com as próximas publicações, mande uma história de Guarda Vidas através do e-mail: associeabmerj@gmail.com .